O envelhecimento celular é um processo natural e, infelizmente, é acelerado pelo fornecimento inadequado de oxigênio, nutrientes e água. O uso de uma esteira de acupressão aumenta a circulação sanguínea ao deitar na esteira. Ao aumentar a circulação sanguínea, o calor calmante é distribuído no corpo. Embora os discos não sejam um vaso, eles não são fornecidos com sangue, mas a função dos discos depende da circulação sanguínea. A troca necessária no corpo ocorre através de capilares. Uma vez que os discos não são uma embarcação, esses sites são extremamente sensíveis. Se os discos tiverem água suficiente, tudo está em ordem, já que o núcleo dos discos pode garantir as funções. A quantidade de água no corpo nunca é a mesma ou estável. Ao longo do dia, ocorrem mudanças menores, mas também maiores, pelo que o disco pode secar até que seja novamente abastecido com água. Para este ciclo, a circulação sanguínea é indispensável. Somente quando o disco é fornecido com água, a construção permanece estável.
Incline a pélvis para que a região lombar assente no chão e depois enrole o corpo para cima, de forma a que a cabeça e os ombros se levantem do chão. Faça o abdominal lentamente – demore três segundos a levantar a cabeça e os ombros, faça uma pausa durante um segundo com os abdominais completamente contraídos e depois demore três segundos a baixar o corpo. Faça estes abdominais numa sessão de 10 minutos diários.

Esse artigo relata o caso de uma mulher com 61 anos de idade, com diagnóstico de fibromialgia, queixando-se com muitas dores e diminuição da capacidade funcional. “Ao ter sido submetida ao novo tratamento nas palmas das mãos durante dez sessões (2 vezes por semana), nossa equipe observou uma quase total redução da dor e um aumento de 335% de suas capacidades físicas, possibilitando ao paciente retornar às atividades diárias. Esse método – um estudo de caso – mostra a eficácia deste novo tratamento, consubstanciado em uma nova proposta de tecnologia e metodologia, utilizando equipamentos que permitem a sobreposição do campo, bem como a aplicação nas palmas das mãos, trazendo para o paciente, mais uma vez, a qualidade de vida tão desejada”, sublinha a fisioterapeuta.


Table 1 shows the general characteristics of the parturients according to group location. The groups were similar with regard to age, level of education, and marital status. Most participants received education up to high school (96.0% in SP6G, 90.4% in TG, and 94.2% in CG). The remainder was still in school or had already completed higher education.
Ansiedade Articulação Artrite Ausência de orgasmo Autoconfiança Baixa autoestima Caimbra Circulação do sangue Consciência corporal Depressão Disfunção erétil Doenças Psicossomáticas Dor cervical Dor de cabeça Dor lombar Dor muscular Dor nas costas Dor nas pernas Dor no ciático Dor no pescoço Ejaculação precoce Energia sexual Enxaqueca Equilíbrio emocional Estresse Falta de libido Fibromialgia Fobia Hipertensão Impotência Insônia Medo Menopausa Pressão arterial Prisão de ventre Pânico Sistema linfático Sistema nervoso Tensão Trauma
Heymann et al.58 Rev Bras Reumatol 2010;50(1):56-66Nos portais NICE (National Institute of Clinical Excelente) e OASIS, a digitação da palavra “bromyalgia”, não resultou em artigos. No portal DARE, foram encontrados dois resumos relevantes de  revisões sistemáticas. Na  National Guideline Clearinghouse, a  busca  por  “bromyalgia”  demonstrou  17 itens, sendo quatro diretrizes de interesse.9,24-26Um grupo de seis especialistas em reumatologia, considera-dos estudiosos e pesquisadores em bromialgia (Grupo I), por indicação da Sociedade Brasileira de Reumatologia, avaliou as diretrizes (guidelines) obtidas na pesquisa utilizando um instrumento próprio para este tipo pontuação.27 A incorporação dos guidelines internacionais na discussão local foi avaliada a partir do critério estabelecido pela AGREE Collaboration (Apraisal of Guidelines Research and Evaluation), que permite a avaliação e a comparação entre diferentes diretrizes (guideli-nes), permitindo, assim, a utilização dos melhores critérios de cada um. O AGREE é uma ferramenta genérica, podendo ser aplicada a qualquer patologia, incluindo aspectos diagnósticos, promoção da saúde, tratamento e outras intervenções.A metodologia proposta pelo AGREE avalia tanto a qua-lidade  do  enunciado  como a  qualidade  de  alguns aspectos intrínsecos  às  recomendações,  dividida  em  seis  domínios: Âmbito e nalidade (objetivo global da norma de orientação); Envolvimento das partes (representação de todas as partes inte-ressadas e potenciais utilizadores), Rigor do desenvolvimento (processo de coleta de evidências utilizado e formulação das recomendações); Clareza e apresentação (linguagem e forma-to), Aplicabilidade (aplicação das recomendações em termos organizacionais, comportamentais e de custos) e Independência editorial (isenção  das recomendações e  reconhecimento  de conitos de interesse). Com base neste método de avaliação, foram escolhidas as diretrizes (guidelines) que alcançaram um percentual maior ou igual a 51% em todos os domínios.8,25,26 Essas diretrizes (guidelines) selecionadas serviram de base para que se elabo-rasse um questionário inicial para a construção do consenso. Esse questionário inicial foi então avaliado e modicado pelos integrantes do Grupo I. Outras metanálises e revisões sistemá-ticas que não passaram pelo método AGREE também foram avaliadas pelos especialistas do Grupo I, que decidiram pela sua incorporação ou não na lista de recomendações a serem questionadas.Os  especialistas  do  Grupo  I foram  alertados  de  que  as recomendações deveriam ser elaboradas de acordo com seu grau de recomendação e aplicabilidade no Brasil.Uma vez concluída a elaboração desse questionário pelo Grupo I, passamos à segunda etapa do projeto, ou seja, a vo-tação dessas recomendações.Segunda etapa: VotaçãoA segunda etapa consistiu na reunião entre médicos de várias especialidades que estudam e tratam a  bromialgia,  com a nalidade de votarem na sua concordância ou não com as armações elaboradas pelo Grupo I. Essas armações reproduzem os achados obtidos nos estudos consultados na primeira fase. Para isso, formou-se o Grupo II, constituído pelos  integrantes  do  Grupo  I  acrescidos  de  especialistas selecionados  por  suas  respectivas  sociedades  médicas, levando-se em conta sua experiência e reconhecimento no tratamento da doença em avaliação. O Grupo II foi formado por 30 especialistas provenientes das seguintes sociedades: Sociedade Brasileira de Reumatologia, Sociedade Brasileira para o Estudo da Dor, Sociedade Brasileira de Clínica Mé-dica, Sociedade Brasileira de Ortopedia e Traumatologia, Academia Brasileira de Neurologia e Associação Brasileira de Medicina Física e Reabilitação. A votação das armações elaboradas foi eletrônica, e os participantes não foram identicados individualmente, apare-cendo somente o resultado do grupo. No momento da votação, todos os especialistas foram alertados que as recomendações deveriam ser avaliadas de acordo com seu grau de recomen-dação e aplicabilidade no Brasil.Todas  as  recomendações  foram  votadas como  SIM  ou NÃO, sendo que seguindo a metodologia BASCE,7 somente aquelas que tiveram uma votação SIM ou NÃO igual ou su-perior a 70% do grupo foram consideradas consensuais. As armações que não obtiveram consenso na primeira votação foram motivo de argumentações entre um especialista favorá-vel e outro contrário. Após o término desse debate, foi realizada nova votação. As questões que, após a segunda votação, não atingiram o percentual estabelecido foram consideradas como não tendo alcançado consenso e, portanto, não foram incluídas nas recomendações desse Consenso Brasileiro. Dessa forma, as práticas aqui recomendadas foram aquelas que obtiveram pelo menos 70% de consenso, e as não recomen-dadas foram aquelas em que pelo menos 70% dos especialistas concordaram em não as recomendar. As que não obtiveram consenso foram aquelas em que não houve pelo menos 70% de concordância em recomendá-las ou não.Como documentação, a reunião de consenso foi lmada e também documentada por meio de voto eletrônico.CAPTAÇÃO DE RECURSOSA Sociedade Brasileira de Reumatologia contratou os serviços da empresa Axia.Bio para a captação de recursos, condução  

O relato das queixas pelo paciente, complementado com uma avaliação clínica, é fundamental. Pode haver necessidade da realização de exames complementares, como radiografias, tomografia axial computadorizada (TAC) e ressonância magnética da coluna lombar, para se obterem imagens rigorosas da coluna vertebral, dos nervos e das lesões que causam a dor ciática.
“O momento é dos tênis mais altos, bem macios, responsivos e leves. O desafio das marcas é fazer tênis com essas características. As empresas trabalham com densidades diferentes de espumas e já não veem com bons olhos o amortecimento aparente. O consumidor quer a espuma e pronto”, opina Eduardo Suzuki, o responsável pelo canal Tênis Certo no YouTube.

6 – Indivíduos com encurtamento muscular generalizado terão muita dificuldade de realizar sozinhos alongamentos das grandes cadeias musculares e dificilmente conseguirão manter a coluna vertebral em posição de segurança. A solução é dar preferência para alongamentos segmentados ou sugerir terapias mais individuais como RPG Souchard, Pilates ou sessões particulares de alongamento assistido.
Dores – Segundo a fonte ouvida pela Golf Week, Tiger não sofre de uma hérnia grave, do tipo que necessita de cirurgia, e sim de uma protusão discal – ou disco abobadado (imagem à direita)-, como se o disco fosse um hambúrguer com um lado maior do que o pão, no caso as vértebras. Esse tipo de patologia pode ser controlado em algumas semanas, com medicamentos para a dor e fisioterapia, mas os discos não se regeneram, o que pode obrigar as pessoas a conviver com o problema. Embora não seja propriamente uma hérnia de disco, a protusão discal provoca os mesmos sintomas ao comprimir as raízes nervosas.
Para acertar a bola de uma grande distância, o organismo deve ter a capacidade de rodar em e manter um arco largo todo o caminho através do balanço. Terapia manual técnicas que aumentam a gama de quadril Rode permitir uma diminuição na quantidade de volta do ombro, reduzindo assim a quantidade de flexão do tronco e sidebending durante a desaceleração (no momento mais prejudicial do balanço). Se os jogadores de golfe faltam a gama completa da mobilidade de quadril devido a uma cápsula de adesiva, poderosas forças de torção irão passar a cadeia cinética através de lumbopelvic ligamentos, cápsulas articulares e discos intervertebrais. Movimento restrito facetas e tecido ligamentar danificados neurologicamente podem inibir músculos de sulco profundo da coluna vertebral, como rotadores, multífidos e intertransversos levando a padrões de substituição e instabilidade traseira baixa.
Estima-se que 5% a 10% de todos os pacientes com dor lombar ter dor ciática, mas existem algumas pessoais e profissionais, factores de risco que aumentam as chances para o desenvolvimento de nervo ciático dor. Estes incluem a idade avançada, alta, altos níveis de estresse mental, excesso de peso ou obesos, sentado por longos períodos, uso de cigarros, e grandes quantidades de exposição à vibração de veículos (por exemplo, ser um motorista de caminhão para a vida). (7)
Desde 1985, a Organização Mundial da Saúde preconiza taxas de cesárea populacionais entre 5,0% e 15,0%. 21 Entretanto, essas taxas têm aumentado progressivamente em várias partes do mundo. 3 No Brasil, levantamento realizado pelo Ministério da Saúde constatou aumento significativo, de 32,0% em 1994 para 52,0% dos partos realizados em 2010. c Em 2014, manteve 52,0% dos partos e 88,0% das cesáreas foram realizadas na rede privada de saúde. d

A Lombalgia mecânica persistente pode exigir estudos de imagem adicionais, inclusive tomografia computadorizada, discografia, e varredura óssea trifásica. A sensibilidade refere-se à capacidade do teste ou estudo de mostrar que um distúrbio está presente. Especificidade refere-se à capacidade do teste ou estudo para determinar um distúrbio específico. Quanto maior o número [0 a 1], mais sensível ou específico será o teste ou estudo.


Esses tratamentos proporcionam alívio temporário, mas não eliminam a causa do problema. Se a dor ciática é causada por uma hérnia de disco, protrusão ou estenose do canal lombar, as recaídas podem ocorrer. Na verdade, cada paciente reage de um modo bastante específico, por isso a administração de medicamentos vai depender das condições de cada pessoa.


Para indivíduos egressos de crises recentes de lombalgia/cervicalgia, a prescrição do treinamento aeróbio não deverá utilizar o resultado de testes específicos para determinar a capacidade cardiorrespiratória como único parâmetro, já que a coluna vertebral está diretamente envolvida na maior parte dos exercícios aeróbios. Sugiro que o treinamento inclua alguns ajustes de modo a obter resultados tanto na melhora da aptidão quanto no consumo calórico sem promover sobrecarga relevante para as estruturas de risco. Além disso, convém salientar que o histórico de crises incapacitantes e a possível deficiência dos sistemas envolvidos com estabilização vertebral não permitem atividades aeróbias mais intensas ou prolongadas nesse reinício de treinamento.
Além disso, existem outras opções que também podem completar o tratamento, que incluem a realização de sessões de Acupuntura e Reflexologia para alivio da dor e desconforto. Uma outra possibilidade é a osteopatia, que consiste em técnicas que esticam os músculos, tracionando de forma a estalar as articulações, sendo uma boa forma de tratar a escoliose, hiperlordose e a hérnia de disco que geralmente estão envolvidas na causa da dor ciática. 
O nosso corpo foi desenhado para o movimento, não para que passemos o dia sentados a trabalhar, nas aulas ou no sofá comendo batatas fritas e vendo TV. Os nossos antepassados caminhavam quase 20 km por dia em busca de comida, água e das coisas mais básicas para poderem sobreviver. Não pretendo dizer que deveriamos voltar à era do Paleolítico (senão não poderia estar a escrever nesta cadeira espectacular), pretendo apenas chamar a atenção para o facto que nos mexemos muito pouco hoje em dia para poder entender as nossas próprias limitações.

Esta esteira consiste em 8,820 picos que estimulam os pontos de acupressão do seu corpo, ajudando-o a liberar hormônios naturais de alívio da dor. Muito parecido com massagem e acupressão, o tapete de bem-estar é usado para estimular naturalmente a liberação de endorfinas e oxitocina, hormônios de alívio da dor do próprio corpo. Esses hormônios, que também são liberados durante o exercício, o toque, a excitação e a paixão, promovem o bem-estar mental e físico.


A dor na coluna atinge uma larga maioria da população, estando entre as principais causas de absentismo ao trabalho. Apesar das dores na coluna serem na maioria dos casos perfeitamente benignas, elas podem ser muito incomodativas e incapacitantes, degradando muito a qualidade de vida das pessoas. Felizmente, que na maioria dos casos, existe um conjunto de medidas curativas e preventivas que nos permitem tratar e prevenir eficazmente este problema. Veja mais informação em tratamentos e medidas preventivas.
Como dito na introdução, a acupressão é utilizada como tratamento para diversas doenças na medicina chinesa tradicional. Além disso, ela também é utilizada na Índia, pela medicina ayurvédica, por séculos. Acredita-se que a origem da técnica seja testes que curandeiros chineses teriam feito em guerreiros feridos. Desde então, ela se desenvolveu e tem se chamado na modernidade como massagem shiatsu. Você encontra centros especializados na aplicação da acupressão.
Uma forma de relaxar, é ficar deitado de lado ou sentado de forma a que as costas estejam totalmente encostadas na cadeira por alguns minutos, e evitar ficar muito tempo na mesma posição, mesmo sendo sentado, deitado ou em pé. Ao ficar numa posição mais confortável, é possível respirar melhor e as fibras musculares se soltam, aliviando a dor nas costas.
Embora não seja mortal, a hérnia de disco pode levar indivíduos economicamente ativos a se aposentarem por invalidez, sendo as causas multifatoriais, como: permanecer sentado por longas horas e o comportamento sedentário. Devido à repercussão econômica causada pelas lombalgias e hérnias de disco, elas se tornaram a 1ª causa de pagamento de auxílio doença e a 3ª causa de aposentadoria por invalidez.

Em um novo artigo científico publicado em junho deste ano, igualmente no Journal of Novel Physiotherapies, intitulado Podem as mão prover um novo tratamento para a fibromialgia? Um estudo piloto, a mesma equipe de pesquisa, desta vez reforçada com as participações de Heloisa Ciol (IFSC/USP) e Anderson Luis Zanchin (MM Optics), relatou as diferenças encontradas entre este novo tratamento e o primeiro (cuja aplicação combinada incidia apenas sobre o trapézio), tendo chegado à conclusão que o novo protocolo se apresenta como o mais eficiente para o restabelecimento da qualidade de vida dos pacientes acometidos com fibromialgia e para a redução quase integral dos estados de dor.
Alguns tratamentos não-farmacológicos que tem funcionado em pessoas com a síndrome são: suporte psicológico, exercícios físicos de baixo impacto regulares, dieta balanceada e acupuntura. Se o tratamento for bem sucedido, haverá alívio da dor, melhoria da qualidade do sono, restabelecimento do equilíbrio emocional e melhorias no condicionamento físico, reduzindo a fadiga.
Mais do Minha Vida: Zika Vírus • Microcefalia • Febre Chikungunya • Emagrecer • Candidíase • Mau Hálito • Febre Mayaro • Dieta Cetogênica • Sintomas de Virose • Tratamento de Virose • Vacina contra febre amarela • Sintomas de gravidez • Transmissão da dengue • Dietas para emagrecer • Terçol • Berberina • Febre Oropouche • Dieta sem glúten • Hemorroida • Dieta Low Carb • Jejum intermitente • Chá de Hibisco • Rinite • DIU • Bula do Fluconazol • Bula do Azitromicina • Bula do Transamin • Bula do Toragesic • Bula do Bi-profenid • Bula do Ciprofloxacino • Carvão ativado • Bula do Nimesulida • Bula do Ibuprofeno • Dieta Dukan • Dieta do Ovo • IMC • Whey Protein • Açaí • Kiwi • Ômega 3 • Colágeno • Gengibre • Vitamina C • Musculação • Aveia • Caminhada • Dieta para ganhar peso • Como perder barriga
A acupuntura faz parte da medicina tradicional chinesa e tem como objetivo equilibrar as funções do organismo, o que ajuda a prevenir e tratar problemas de saúde, como dores na coluna. "As agulhas estimulam diferentes pontos, promovendo alívio das dores na primeira aplicação. Qualquer pessoa pode ser submetida ao tratamento, incluindo as grávidas. São necessárias, no mínimo, cinco sessões para tratar as dores nas costas, mas recomenda-se a prática regular como forma de prevenção. Quando o problema já está instalado, a acupuntura deve ser realizada uma vez por semana. Para evitar novas dores, as sessões podem acontecer a cada 15 dias", diz Gabriel.
“Os exames de imagem não vão influenciar em nada as escolhas de tratamento”, esclarece a fisioterapeuta Lucíola Costa, da Universidade Cidade de São Paulo, instituição brasileira que apoiou a realização o estudo na América Latina. É comum que muitas pessoas tenham alguma particularidade nas vértebras sem que isso resulte numa doença de verdade, com repercussões no dia a dia. “Alterações na coluna são iguais a cabelo branco e ruga: todo mundo vai ter um dia”, completa a especialista.
Noninduction or augmentation of labor using cervical preparation with a balloon catheter or pharmaceutical agents (prostaglandin or oxytocin) was different between the groups. In general, the pregnant women included in this outcome who did not receive these interventions were: 23.7% in SP6G, 15.2% in TG, and 50.0% in CG (p = 0.0065 using the Chi-square test). However, the differences were not significant when the balloon catheter and prostaglandin were used in isolation, and were borderline when compared with oxytocin (Table 2).

O fortalecimento de extensores de quadril e flexores de coluna fazem parte das fases finais do tratamento do nervo ciático. A Fitball aumenta a aderência dos pacientes aos abdominais, pois favorecem o encaixe da coluna lombar e oferecem maior flexibilidade e grandes níveis de recrutamento muscular. Em decúbito dorsal, o paciente é orientado a executar a flexão de coluna e, em decúbito lateral, a executar a flexão lateral.
As dores sacroilíacas também podem ser um sinal de uma emergência médica. Se, por exemplo, de repente deixar de controlar o funcionamento da bexiga, não conseguir conter as fezes, perder sensibilidade na zona inguinal ou surgirem sinais de paralisia numa ou nas duas pernas, deverá procurar um médico ou chamar o serviço de emergência. Os sintomas referidos podem ser sinais de um prolapso discal, o qual, quando não tratado, pode causar lesões permanentes.
Se a adoção de medidas caseiras, como a aplicação de gelo, a realização de alongamentos suaves e a toma de anti-inflamatórios não sujeitos a receita médica, não resolver o problema e continuar com muitas dores, o médico poderá aconselhar tratamentos para atacar a dor e proporcionar-lhe algum alívio.  A cirurgia das costas é um assunto sério e deve, por isso, ser um tratamento de último recurso. Deve apenas ser considerado quando todos os tratamentos não cirúrgicos tiverem falhado e, mesmo assim, nem todos os casos são elegíveis. Antes de o médico lhe recomendar qualquer uma das seguintes opções, é provável que peça vários exames como raio X, TAC ou ressonância magnética. Tendo em conta os resultados destes exames, um exame físico e a descrição que fez dos seus sintomas, o médico irá decidir o melhor tratamento para o seu caso especifico.

Artigos científicos vêm mostrando que existem inúmeras circunstâncias que contribuem para o desencadeamento da dor lombar, como insatisfação com o trabalho, excesso de peso ou obesidade, hábito de fumar, sedentarismo, síndromes depressivas, fatores genéticos e antropológicos, alterações climáticas, modificação na pressão atmosférica, dentre outros.
Se um objeto lhe parecer demasiado pesado ou difícil de manejar, não o levante sozinho, peça ajuda. Escute a intuição do seu corpo sobre aquilo que deve e não deve levantar. Por vezes quando está prestes a levantar um objeto pesado, pode ocorrer-lhe um pensamento passageiro de que as suas costas são demasiado fracas. Siga esse palpite. Como indicação geral, se já teve dores nas costas, nunca deve levantar nada com mais de 18 quilos.
O grupo de BP6 apresentou menor taxa de cesárea entre os grupos deste estudo. Já o GC, com 15,4% a mais de cesárea em relação ao grupo BP6, aproximou-se da taxa registrada no último relatório anual da instituição onde se realizou o estudo (44,5% de cesáreas em 2013); f porém, na análise estatística, não apresentou diferença significativa. Contrariamente, dois ECR mostraram redução significante no número de cesáreas, sendo de 10,0% dessa via de parto em um dos estudos 18 e 12,8% no outro. 7 No entanto, esses estudos incluíram somente mulheres nulíparas ou sem cesárea anterior.

O tamanho amostral foi estimado considerando o método para o cálculo do tamanho de amostra para teste-t não pareado, 16 , 23 e foram utilizados dados anteriores e posteriores ao tratamento presentes em três estudos. 8 , 14 , 18 Assumiu-se nível de significância de 5% e poder do teste de 80,0%, exceto para os estudos que também apresentaram resultados após 60 min. Nesses casos, foi aplicada a correção de Bonferroni no nível de significância, o que foi assumido como 2,5%. O cálculo resultou em amostra de 51 indivíduos por grupo, o maior tamanho amostral calculado entre os estudos, totalizando 153 parturientes.
O artigo Could Hands be a New Treatment to Fibromyalgia? A Pilot Study (doi: 10.4172/2165-7025.1000394), de Juliana Silva Amaral Bruno, Daniel Marques Franco, Heloisa Ciol, Anderson Luis Zanchin, Vanderlei Salvador Bagnato e Antonio Eduardo de Aquino Junior, pode ser lido em www.omicsonline.org/open-access/could-hands-be-a-new-treatment-to-fibromyalgia-a-pilot-study-2165-7025-1000393.pdf.
“São duas inovações no mesmo estudo: o equipamento e o protocolo de tratamento. Ao fazer a emissão conjugada de ultrassom e laser conseguimos normalizar o limiar de dor do paciente. Já o tratamento na palma das mãos contrapõe o tipo de atendimento feito hoje, muito focado nos pontos de dor”, disse Antônio Eduardo de Aquino Junior, pesquisador do Instituto de Física de São Carlos (IFSC) da Universidade de São Paulo (USP), um dos autores do artigo.
Até agora, se um disco se desintegrava, causa comum de dores de costas, a única solução era fundir as duas vértebras, fazendo assim uma espécie de sanduíche com o disco no meio. Atualmente, os cirurgiões podem substituir o disco danificado por um núcleo de polietileno ou de metal que desliza entre duas placas de metal. Este procedimento só poderá ser considerado se outros tratamentos, incluindo fisioterapia, emagrecimento, injeções e/ou o uso de um colete especial, não tiverem resultado.
As sintomas podem variar de uma dorzinha até uma sensação de facada. A dor pode dificultar o movimento e manter uma postura reta. Muitas vezes a dor aguda nas costas aparece de repente, decorrente de um mal jeito no esporte ou no trabalho. Se a dor durar mais de três meses, pode ser considerada crônica. Caso a dor não melhore no prazo de 72 horas, é recomendando que consulte um médico.

A dor na coluna atinge uma larga maioria da população, estando entre as principais causas de absentismo ao trabalho. Apesar das dores na coluna serem na maioria dos casos perfeitamente benignas, elas podem ser muito incomodativas e incapacitantes, degradando muito a qualidade de vida das pessoas. Felizmente, que na maioria dos casos, existe um conjunto de medidas curativas e preventivas que nos permitem tratar e prevenir eficazmente este problema. Veja mais informação em tratamentos e medidas preventivas.


"Essa prova é considerada uma maratona muito rápida. Tenho muitos alunos da assessoria que já participaram da Maratona de Porto Alegre e percebemos que 42k de Floripa e POA são as mais rápidas do Brasil. Correr essa maratona é uma ótima oportunidade para os atletas baixarem tempo”, diz o proprietário e treinador da assessoria Floripa Runners, Fabiano Braun.

Geralmente, no entanto, dor nas costas não é negligenciado, mas é importante para garantir, através de um diagnóstico adequado, que a fonte do problema não é algo sério. Perpetrar má conduta sobre a saúde física é naturalmente uma estrada não seguir, e é por isso que ele olha para a frente para um tratamento médico especializado mesmo com a menor perturbação.
Santiago, conhecida por suas belas vistas da Cordilheira do Andes, saborosos vinhos, praias e passeios de ski, também abriga uma das principais provas de corrida da América do Sul. A capital chilena, um dos destinos mais procurados por turistas brasileiros, sedia em 7 de abril a 13ª Maratona de Santiago, evento que vêm ganhando mais visibilidade de corredores e grandes empresas ligadas ao esporte.
Nível de condicionamento físico: a dor de costas é mais comum entre pessoas que não estão fisicamente aptos. Musculatora abdominal e lombar enfraquecidas podem não suportar corretamente a coluna vertebral. “Atletas de finais de semana” — pessoas que saem e exercitam-se muito depois de estarem inativos durante toda a semana — são mais propensos a sofrer lesões dorsais dolorosas do que pessoas que fazem atividade física moderada, como um hábito diário. Estudos mostram que o exercício aeróbio de baixo impacto é benéfico para a manutenção da integridade dos discos intervertebrais.

A fibromialgia é uma doença crônica invisível que atinge de 3% a 10% da população mundial, tendo maior ocorrência em mulheres. Apesar das dores constantes em quase todo o corpo, os pacientes não apresentam lesão, inflamação ou degeneração dos tecidos. A doença também está envolta em outros dois mistérios: ainda não se sabe a causa e muito menos a cura para ela.
Promoção válida de 24 Setembro a 21 Dezembro 2018. Desconto de 10% válido para os seguintes acessórios: cadeiras de criança FMK 953, tapetes de bagageira FMK 948 e tomada 230 V + USB, ref. 16 290 438 80. Os clientes com cartão MyPeugeot poderão ter até 20% de desconto utilizando o saldo de pontos do seu cartão. Não acumulável com outros descontos ou promoções. Imagens ilustrativas.
Antes de qualquer estímulo específico para os músculos responsáveis pela estabilidade e mobilidade da coluna vertebral, é necessário um ponto de partida. Ou seja, o profissional de saúde responsável pela prescrição de exercícios precisa saber qual o nível inicial de complexidade motora e intensidade do treinamento de tal forma que os exercícios consigam gerar as adaptações fisiológicas necessárias para proteção da coluna vertebral sem expor essa mesma estrutura ao risco de lesão. Nesse caso, uma avaliação física específica e adaptada para o egresso de uma crise da coluna vertebral poderá trazer as respostas desejadas.
Esse artigo relata o caso de uma mulher com 61 anos de idade, com diagnóstico de fibromialgia, queixando-se com muitas dores e diminuição da capacidade funcional. “Ao ter sido submetida ao novo tratamento nas palmas das mãos durante dez sessões (2 vezes por semana), nossa equipe observou uma quase total redução da dor e um aumento de 335% de suas capacidades físicas, possibilitando ao paciente retornar às atividades diárias. Esse método – um estudo de caso – mostra a eficácia deste novo tratamento, consubstanciado em uma nova proposta de tecnologia e metodologia, utilizando equipamentos que permitem a sobreposição do campo, bem como a aplicação nas palmas das mãos, trazendo para o paciente, mais uma vez, a qualidade de vida tão desejada”, sublinha a fisioterapeuta.
“Me sentia inchada, indisposta, com fadiga e a pele do meu rosto estava com um aspecto estranho. Comecei a ler sobre o uso do anticoncepcional. Lia artigos do Brasil e de outros países e percebi o quão ruim podia ser a pílula. Pela minha pesquisa entendi que em longo prazo pode ser algo destrutivo. Depois que parei minha vida só me anlhorou, minha pele está melhor, meu cabelo não cai mais e me sinto mais disposta. Até a oleosidade da pele do rosto melhorou. Tenho relações sexuais com preservativo e está funcionando. Parar de tomar anticoncepcional dá uma sensação de liberdade.”

Apenas com a anamnese é possível diagnosticar de forma precisa, claro que exames precisam ser feitos, mas a anamnese é muito importante e você deve cobrar do seu médico. Com ele o médico avalia vários aspectos como a evolução da dor, o ritmo, a presença de outros sinais como febre, perda de peso e má resposta terapêutica. Ele também deve avaliar a irradiação da dor os fatores que ajudam a melhorar ou que pioram a dor, quando iniciou a dor, entre outras coisas.
O processo natural de envelhecimento é uma inevitabilidade e muito associado à dor de costas, sendo um importante fator de risco em algumas patologias. O excesso de peso (obesidade), muitas vezes associado a maus hábitos alimentares provoca uma maior pressão sobe a coluna. O sedentarismo e ausência de exercício físico, não só podem agravar o problema do excesso de peso, como não permitem ter músculos que permitam sustentar a coluna de uma forma adequada, podendo desencadear crises. As posturas incorretas, seja de pé sentado ou deitado, são também um dos fatores que podem desencadear o problema. Uma postura correta é determinante para prevenir a dor nas costas. O tabagismo (fumar) também aumenta o risco de vir a padecer de dor nas costas. Veja mais informação em prevenção.

O ITC Vertebral incorporou a devida pesquisa ao trabalho clínico e acrescentou à subclassificação os exercícios e o acompanhamento ao paciente no pós-tratamento. A atenção especial ao pós-tratamento (com um programa completo de fortalecimento muscular) é decorrente do caráter degenerativo das lesões na coluna, que não têm cura. O tempo de duração do programa de tratamento não é prolongado, em dois meses são obtidos 87% de bons resultados até em pacientes mais graves.

×