É comum a grande maioria dos afiliados profissionais ficar presa a estratégias que funcionam. Quando se encontra uma estratégia que dá resultado, a tendência é usar somente essa estratégia até à exaustão. No entanto, tenha em consideração que existem diferentes formas de promover programas de afiliados, sendo altamente recomendável você diversificar suas fontes de tráfego e, principalmente, a forma como você promove programas de afiliados.

A facilidade de publicar conteúdo na internet está transformando o consumidor de um canal receptor para um emissor de informação. Desde a criação de fãs clubes, comunidades, elogios e reclamações, e qualquer informação antes restrita a poucos, agora é pública e interfere na opinião de outros consumidores. Aprender a interagir com estes consumidores é um dos desafios do atual profissional de marketing.
Outros exemplos para um modelo de comissão por lead seriam empresas recrutadoras que estão procurando profissionais para preencher uma determinada vaga de emprego, empresas que buscam obter mais pedidos de orçamento, empresas que pretendem gerar mais cadastros na versão Trial do seu software, etc. Em todos esses casos, o afiliado recebe uma comissão fixa por gerar essa lead, independentemente de esse lead virar um cliente ou não.
Para quem está começando a trabalhar com marketing de afiliados, possivelmente terá alguma das dúvidas seguintes. São perguntas frequentes que muitos dos novos afiliados fazem, no sentido de entenderem como esse mercado funciona e quais são as reais possibilidades. Trabalhar com afiliação é extremamente interessante, mas é necessário que você entenda como tudo isso funciona.

Os chamados infoprodutos, ou produtos digitais, são também uma excelente forma de trabalhar com marketing de afiliados. Existem várias plataformas que oferecem esse tipo de produtos e também muitos afiliados trabalhando na divulgação, recebendo comissões extremamente elevadas pelas vendas geradas. Este é um mercado que está crescendo imenso no Brasil.
O mercado de marketing de Afiliados é, nos dias de hoje, um dos mais prósperos em nível mundial. Com cada vez mais empresas e usuários a trabalharem conjuntamente em prol do mesmo objetivo, trabalhar com programas de afiliados tornou-se fundamental, tanto para as empresas que pretendem crescer e gerar mais vendas, como para os blogueiros e editores de conteúdos que procuram uma forma eficaz de rentabilizar seus sites e gerar mais leitores. Com um modelo de negócios bastante simples e direcionado para a partilha de receitas sobre as vendas, ambas as partes ganham com o mesmo cliente, o que significa que tanto as empresas quanto os publishers estão trabalhando no mesmo sentido e em prol do mesmo objetivo: ganhar dinheiro!
"Jim Boykin blows my mind every time I talk to him. I have been doing SEO for 15 years and yet I am amazed at the deep stuff Jim comes up with. Simply amazing insights and always on the cutting edge. He cuts through the BS and tells you what really works and what doesn't. After our chat, I grabbed my main SEO guy and took him to lunch and said 'you have to help me process all this new info...' I was literally pacing around the room...I have so many new ideas to experiment with that I would never have stumbled onto on my own. He is the Michael Jordan or the Jerry Garcia of links...Hope to go to NY again to Jim's amazing SEO classes. Thanks Jim!" Michael G.
Collaborative Environment: A collaborative environment can be set up between the organization, the technology service provider, and the digital agencies to optimize effort, resource sharing, reusability and communications.[36] Additionally, organizations are inviting their customers to help them better understand how to service them. This source of data is called User Generated Content. Much of this is acquired via company websites where the organization invites people to share ideas that are then evaluated by other users of the site. The most popular ideas are evaluated and implemented in some form. Using this method of acquiring data and developing new products can foster the organizations relationship with their customer as well as spawn ideas that would otherwise be overlooked. UGC is low-cost advertising as it is directly from the consumers and can save advertising costs for the organisation.
A facilidade de publicar conteúdo na internet está transformando o consumidor de um canal receptor para um emissor de informação. Desde a criação de fãs clubes, comunidades, elogios e reclamações, e qualquer informação antes restrita a poucos, agora é pública e interfere na opinião de outros consumidores. Aprender a interagir com estes consumidores é um dos desafios do atual profissional de marketing.
Balancing search and display for digital display ads are important; marketers tend to look at the last search and attribute all of the effectiveness to this. This then disregards other marketing efforts, which establish brand value within the consumers mind. ComScore determined through drawing on data online, produced by over one hundred multichannel retailers that digital display marketing poses strengths when compared with or positioned alongside, paid search (Whiteside, 2016).[42] This is why it is advised that when someone clicks on a display ad the company opens a landing page, not its home page. A landing page typically has something to draw the customer in to search beyond this page. Things such as free offers that the consumer can obtain through giving the company contact information so that they can use retargeting communication strategies (Square2Marketing, 2012).[43] Commonly marketers see increased sales among people exposed to a search ad. But the fact of how many people you can reach with a display campaign compared to a search campaign should be considered. Multichannel retailers have an increased reach if the display is considered in synergy with search campaigns. Overall both search and display aspects are valued as display campaigns build awareness for the brand so that more people are likely to click on these digital ads when running a search campaign (Whiteside, 2016).[42]

De acuerdo a la Sociedad General de Contratistas de América, 70 por ciento de compañías de construcción están teniendo problemas para encontrar trabajadores calificados. En este segmento se incluyen los trabajos para plomeros, carpinteros, albañiles, herreros y electricistas, con muchos de ellos pagando sueldos a un promedio de 54,000 dólares al año. Nada mal.
Una guía completísima y útil Frank. El asunto “publicidad frente a afiliación” es bastante interesante, sobre todo porque la publi convencional en Internet parece que ha tocado casi fondo. De hecho hasta el New York Times se interesa ahora por los enlaces de afiliados como via de diversificar ingresos y ha comprado una web que se dedica precisamente a eso, a revisar productos y obtener comisiones de Amazon, como modelo de negocio.
×