Umas das coisas que aprendi com esse cara, é a lucratividade que esse tipo de trabalho pode e vai te proporcionar. Ou seja, você não vai precisar gastar tempo e nem dinheiro montando uma área de membros para seus alunos (esse trabalho é do produtor), não vai precisar se preocupar com a logística de entrega de mercadorias (no caso de produtos físicos)  e o melhor, você pode ganhar até 99% de comissão sobre o valor do produto.
Os e-auctions, normalmente, são leilões directos, em que alguém oferece produtos ou serviços a utilizadores que licitam de forma ascendente (versão inglesa) ou descendente (versão alemã). No entanto os leilões que mais interessam para as empresas, não são os directos, são os leilões invertidos. Num “reverse e-auction” leilão invertido as empresas adquirem produtos ou serviços num concurso público fechado (quantidade e especificações) em que teoricamente vence a melhor oferta, não apenas no preço mas também com as melhores condições comerciais (nem sempre a oferta de preço mais baixo ganha os contratos). Um exemplo de sucesso da utilização de e-auctions é o da British Airways, que em 2005 poupou 300 milhões de libras pela utilização de e-auctions, no entanto, a vantagem de usar os e-auction não reside apenas nos custos, pois, também permite determinar a estrutura de preços da concorrência, através da análise das suas licitações.
Modelo baseado no marketing relacional que se traduz na relação entre duas empresas B2B (business to business) ou entre a empresa e o consumidor (business to consumer) B2C. Este modelo relacional evoluiu com a era digital, tornando a hipótese de escolha mais aproximada a cada um dos consumidores. A capacidade de agrupar clientes com gostos ou preferências semelhantes permitiu melhorar a oferta nas campanhas de marketing. Quase podemos comparar a oferta direccionada para o cliente com a loja de proximidade, em que o interlocutor habitual já conhece os hábitos e sempre que surge um produto adequado tenta vende-lo e quase sempre com sucesso.
Lógico que sim. Existem afiliados profissionais que trabalham com divulgação de programas de afiliados há muitos anos, ganhando mais de R$20.000 por mês em comissões. Logicamente, a grande maioria do mercado ganha uma fração disso. No entanto, tal como em qualquer outro tipo de negócio, você precisa trabalhar muito para se destacar e realmente ganhar muito dinheiro.
Para trabalhar com marketing de afiliados, existem apenas duas estratégias possíveis: ou você trabalha a divulgação em seus sites e blogs ou você faz a divulgação diretamente em plataformas de anúncios. Não existe outra forma de se trabalhar com afiliação além desses duas. Portanto, o mais importante é você decidir antecipadamente se pretende desenvolver sites e blogs, que vão exigir conteúdo e um bom trabalho de SEO, ou se você pretende partir para a divulgação através de anúncios no Facebook, Google AdWords ou plataformas de native ads.
Franck Scipion es el autor del blog Lifestyle Al Cuadrado, donde comparte estrategias, tácticas y herramientas probadas para ayudarte a construir un negocio que amas y vivir la vida de tus sueños. Si estás trabajando en transformar una idea en un negocio online, Chequea el training REINVENCIÓN KNOWMADA en el qué Franck está ayudando cotidianamente a neo-emprendedores a reinventarse profesionalmente en digital creando un negocio online lleno de propósito.
×