O número que vemos acima é categórico quando queremos discutir a importância de fazer um swing de golfe com uma sequência correcta. Se fazemos uma análise dos segmentos do corpo utilizados durante o swing, percebemos que cada um tem um papel determinado em cada momento. Por exemplo, queremos mais mobilidade nas ancas, mais estabilidade na zona lombar, maior mobilidade no tórax, estabilidade na zona escapular, mobilidade na articulação dos ombros, etc.
Two other RCTs 15 , 18 assessed the effects of acupressure on the LI4 and SP6 points compared with a third group of pregnant women without intervention; however, these trials did not clarify the use of uterotonics. A study by Salehian et al 18 showed reduced labor time in SP6 patients and LI4 patients compared with control patients (p = 0.001). Similarly, Kim et al 15 showed a 127.9 min and 149.6 min reduction in labor time for SP6 patients and LI4 patients, respectively, compared with control patients. No significant difference was observed between SP6 and LI4 patients.

O uso de uma esteira de acupressão é predominantemente um efeito de cura física. Corpo e mente sempre trabalham juntos. Especialmente no caso de insônia e fadiga, a interação entre o corpo e a psique é o fator mais importante para o problema. A raiva, o estresse, a exaustão e a tristeza são os mais desencadeantes, mas muitas pessoas que sofrem de insônia sofrem de problemas físicos. Os problemas físicos incluem o distúrbio do sistema nervoso. No caso de uma perturbação do sistema nervoso, o cérebro já não é capaz de controlar as condições.
A maioria dos montes de acupressão tem um conceito semelhante e funciona da mesma forma. Eles apenas diferem em tamanho de cor e material. Os significados meditativos são o foco da escolha da cor. Os fabricantes de várias camadas de acupressão oferecem certas cores com significado simbólico. Para o equilíbrio é a cor verde. Para a cura e harmonia é a cor laranja. A cor roxa é oferecida para espiritualidade, meditação e clareza.
Através de um exercício muito pequeno e uma dieta errada surge com excesso de peso. Através da ingestão de nutrientes, a energia necessária para o corpo é fornecida, mas um excesso de energia que não pode ser processado é armazenado nas células de gordura. Ao armazenar as células do feto, o peso corporal aumenta. A medicina chinesa vê em um apetite aumentado um desequilíbrio físico-mental, que deve ser tratado por meio de acupressão. Entre as causas de um desequilíbrio físico abençoado estão entre outros nervosismo, depressão, estresse e fadiga. No entanto, a fome e o tédio podem causar fome. Um corpo perde peso através de uma dieta e exercício conscientes. O metabolismo é estimulado pelo movimento. Através do uso de uma esteira de acupressão, os pontos de pressão são estimulados, o que reduz o apetite. Se essa forma de acupressão for usada, também não há efeito yo-yo.
A maioria dos montes de acupressão tem um conceito semelhante e funciona da mesma forma. Eles apenas diferem em tamanho de cor e material. Os significados meditativos são o foco da escolha da cor. Os fabricantes de várias camadas de acupressão oferecem certas cores com significado simbólico. Para o equilíbrio é a cor verde. Para a cura e harmonia é a cor laranja. A cor roxa é oferecida para espiritualidade, meditação e clareza.
De acordo com sua declaração, um disco em Woods devolveu-se seriamente devido a causar ciática, as três cirurgias e dor severa nas costas e nas pernas. Durante a operação recente, o disco danificado foi removido e o espaço do disco colapsado foi elevado a níveis que eram regulares. O objetivo é aliviar a pressão sobre o nervo, diz o comunicado. O procedimento foi realizado pelo Dr. Richard Guyer do Centro de Reposição de Disco no Texas Back Institute.
A acupressão promove o relaxamento muscular, aumento a circulação local, liberação de pontos gatilhos da musculatura (miofasciais) e liberação de endorfinas. Pela Medicina Tradicional Chinesa (MTC), ela desbloqueia os canais e os pontos de acupuntura, fazendo com que o Qi (“energia”) volte a circular livremente pelo corpo, restabelecendo o funcionamento do corpo, promovendo a “auto cura”.
Para indivíduos egressos de crises recentes de lombalgia/cervicalgia, a prescrição do treinamento aeróbio não deverá utilizar o resultado de testes específicos para determinar a capacidade cardiorrespiratória como único parâmetro, já que a coluna vertebral está diretamente envolvida na maior parte dos exercícios aeróbios. Sugiro que o treinamento inclua alguns ajustes de modo a obter resultados tanto na melhora da aptidão quanto no consumo calórico sem promover sobrecarga relevante para as estruturas de risco. Além disso, convém salientar que o histórico de crises incapacitantes e a possível deficiência dos sistemas envolvidos com estabilização vertebral não permitem atividades aeróbias mais intensas ou prolongadas nesse reinício de treinamento.
A terapia cognitivo comportamental (TCC) é uma boa forma de trabalhar os sintomas da fibromialgia e da depressão em conjunto. Essa abordagem leva principalmente em conta a forma como cada um age perante os acontecimentos do dia a dia, assim é possível entender e modificar as emoções e o modo de agir do paciente. Na Fibromialgia, a TCC auxilia o paciente a entender e interpretar melhor suas atitudes frente à dor e demais sintomas para enfrentá-los de forma eficiente.
Além da dor difusa, a fadiga é outro sintoma frequentemente presente no paciente fibromiálgico. O cansaço é mais forte de manhã, logo que o paciente acorda, mas também pode ser bastante incômodo no final da tarde. A fadiga matinal ocorre mesmo que o paciente tenha dormido mais de 10 horas durante a noite. A sensação é de um sono não revitalizante. Na verdade, uma das características da fibromialgia é o sono leve. Os pacientes acordam com frequência durante a madrugada e têm dificuldade em voltar a dormir. Alguns trabalhos mostram que esses pacientes não conseguem se manter no estágio 4 do sono, que é o do sono profundo, também conhecido como sono restaurador.
Lin Tchie Yeng – São várias as razões. O sistema nervoso das mulheres produz menos serotonina e por isso elas também estão mais propensas à depressão. Além disso, por questões hormonais, durante a tensão pré-menstrual, tudo fica mais sensível na mulher. Outro fator repousa na dupla jornada de trabalho feminina. Hoje, as mulheres trabalham fora, mas continuam responsáveis pela execução de tarefas dentro de casa. Sobrecarregadas, pouco tempo lhes sobra para o repouso, o que facilita a incidência maior de dor pelo corpo. Cefaleia e dor nas costas, assim como as manifestações psicossomáticas, também são mais comuns entre as mulheres. Todos esses fatores somados justificam a maior incidência de fibromialgia entre elas.
As dores nas costas raramente são muito graves e se resolvem quase sempre após alguns dias mediante o uso de medicamentos ou outros tratamentos. É importante diferenciar a dor nas costas da hérnia de disco, que é uma doença específica que surge quando os elementos moles da coluna (discos vertebrais, nervos) são pressionados por má postura, sobrecarga, fraqueza muscular, etc.
A prevenção varia de acordo com a causa do dano nervoso. No entanto, algumas medidas podem ser tomadas de maneira genérica: evite sentar ou deitar pressionando as nádegas por um longo período de tempo; no trabalho, levante-se e alongue-se após passar muito tempo sentado; evite ficar na mesma posição mais que 90 min consecutivos; procure manter a postura correta; pratique sempre exercícios físicos regulares.
As dores sacroilíacas também podem ser um sinal de uma emergência médica. Se, por exemplo, de repente deixar de controlar o funcionamento da bexiga, não conseguir conter as fezes, perder sensibilidade na zona inguinal ou surgirem sinais de paralisia numa ou nas duas pernas, deverá procurar um médico ou chamar o serviço de emergência. Os sintomas referidos podem ser sinais de um prolapso discal, o qual, quando não tratado, pode causar lesões permanentes.
O diagnóstico da fibromialgia é essencialmente clínico. Exames laboratoriais e radiológicos são utilizados apenas para avaliar as condições gerais do paciente. Considerando que os sintomas de um paciente com fibromialgia são bastante semelhantes a outras doenças, é comum que o diagnóstico da síndrome seja mais lento e trabalhoso até que se confirme. Em alguns casos, o paciente é encaminhado para um reumatologista.

Uma condição particularmente rara, mas que merece atenção, é a chamada “Síndrome da Cauda Equina”. Essa é uma condição neurológica que afeta nervos que enviam informações para as regiões inferiores do corpo (região lombar e pernas) e pode estar relacionada com dor nas costas. Além disso, infecções da coluna espinhal, embora raras também, podem gerar dor, normalmente acompanhada de febre.
Existem várias classes de medicamentos destinadas a apaziguar essas dores –  e só especialistas podem escolher a ideal para o seu caso. Nas lombalgias comuns, a praxe é lançar mão de comprimidos de anti-inflamatórios e analgésicos. Vez ou outra são receitados relaxantes musculares. Agora, se a dor faz o paciente urrar, entram em jogo injeções de corticoides e outros fármacos da pesada. Nas dores crônicas ou resistentes a tratamentos mais leves, entram em cena os opioides – que devem ser utilizados com extrema cautela em função do risco de dependência. Em situações extremas, a saída é implantar, dentro do corpo, uma bomba que libera aos poucos morfina.
Lin Tchie Yeng — Sabe-se que 70% a 80% das pessoas já sentiram, em algum momento, dor nas costas. Essas dores, no entanto, são benignas e costumam melhorar espontaneamente, sem tratamento. As dores da fibromialgia duram pelo menos três meses e, em geral, não apresentam resposta satisfatória aos tratamentos clássicos com analgésicos, anti-inflamatórios e fisioterapia. Por isso, quando a dor for crônica, é importante procurar um especialista para diagnóstico preciso e indicação de tratamento adequado.
Fatores de risco ocupacionais: ter um trabalho que requer o levantamento de pesos, ou movimentos repetitivos que envolvem torções da coluna e posturas inadequadas, podem levar à lesões e dores nas costas. Um trabalho de escritório pode também contribuir para a dor, especialmente se você tem má postura ou fica sentado o dia todo em uma cadeira com encosto inadequado.

É também importante estar atento às alterações de sono desses pacientes. Os antidepressivos têm a vantagem de regular os períodos de sono. Alguns deles, porém, os mais modernos, devem ser tomados de manhã, porque interferem em determinadas fases do sono o que não acontece com os tricíclicos, como a amitriptilina, que podem ser tomados à noite porque contribuem para o relaxamento muscular e ajudam a dormir.


O camisa 10 deveria ter iniciado as atividades com o grupo nesta segunda, mas perdeu atividades desde sexta-feira à tarde. Na sexta, o jogador ligou para o diretor de futebol Zinho e pediu liberação para resolver problemas particulares. No sábado pela manhã, porém, nem a voz do jogador foi ouvida. Por SMS, ele explicou ao diretor de futebol que não estaria presente, inclusive no domingo.

Lin Tchie Yeng – Com o uso exclusivo de anti-inflamatórios, a dor melhora por uns tempos, mas torna a aparecer. No tratamento da fibromialgia, medicação ajuda, mas não é o suficiente. É importante trabalhar com o lado físico e psicológico do paciente. Por isso, os antidepressivos representam uma primeira e conveniente opção. Associados aos analgésicos e anti-inflamatórios, diminuem os sintomas da dor. No entanto, pacientes com fibromialgia ou dores crônicas requerem abordagem multidisciplinar para que o tratamento apresente resultados mais eficientes.
×