Se estiver sofrendo dores na região, consulte um médico ortopedista e evite supor um diagnóstico. Caso seja bursite no quadril, o tratamento inclui anti-inflamatórios e aplicação de compressa de gelo na região para alívio da dor. Vale também diminuir a sobrecarga dos treinos e até pará-los por um tempo. A melhor forma, no entanto, é prevenir. Apesar de parecer clichê, cuidar da saúde e fazer exercícios com regularidade e orientação profissional são essenciais.
Originária da China Antiga, a acupressão se vale dos mesmos pontos mapeados para a acupuntura, mas, em vez de agulhas, depende de estímulos resultantes da imposição dos dedos polegares. Pesquisas brasileiras estão descortinando seu potencial para minimizar incômodos na gestação. É o caso de um estudo com 15 grávidas acompanhadas em uma Unidade Básica de Saúde de Natal (RN), que mostrou melhoras em queixas como cãibras, cansaço e dores de cabeça e nas costas após quatro sessões.
Como uma extensão da reabilitação efetiva, também oferecemos aos nossos pacientes, veteranos incapacitados, atletas, jovens e idosos um portfólio diversificado de equipamentos de força, exercícios de alto desempenho e opções avançadas de tratamento de agilidade. Nós nos aliamos às principais cidades, terapeutas e treinadores para oferecer aos atletas competitivos de alto nível as possibilidades de se dedicarem às suas maiores habilidades dentro de nossas instalações.
O atleta é um lesionado em potencial, pois os treinamentos, quanto mais intensos e de impacto forem, maior o sofrimento das estruturas osteo-músculo-ligamentares, além de todo o organismo e, por isso, grande deve ser o cuidado com estes indivíduos. O organismo levado ao extremo num Ironman ou maratona, desafiando os limites da força e flexibilidade no judô ou jiu jitsu, impactos fulminantes nos saltadores e ginastas, e nossa máquina, mesmo muito treinada, sofre desgastes, e no centro de todo esse esforço mecânico, está a nossa lombar, onde distribuímos nosso peso, nosso centro de gravidade, colocando em esforço máximo nossos músculos lombares e abdominais, nossos ligamentos, discos e diversas nobres estruturas próximas como rins e útero. Então, como não dizer que um atleta é um indivíduo muito próximo a um desconforto ou lesão? As dores lombares nos atletas, em todos os esportes, podem ser muito comuns.
A dor pode instalar-se de forma gradual (vai doendo cada vez mais) ou, então, pode surgir de forma súbita (“repentina” ou “de repente”), sendo que este facto e a intensidade da dor não estão, por norma, diretamente relacionados com a gravidade do problema. A dor nas costas é um sintoma que deverá ser sempre avaliado pelo médico. Se a dor nas costas for muito forte ou se houver outros sintomas como febre, arrepios, perda de peso, dificuldade em respirar, problemas em se movimentar, entre outros sinais e sintomas a valorizar, deverá procurar um médico com urgência.
O que pode ser: normalmente é uma dor em forma de peso que indica a presença de uma lesão muscular, especialmente depois da academia, por exemplo. Além disso, a dor nas costas também pode ser causada por profissões exigentes para as costas como é o caso do dentista ou jardineiro, por exemplo. Conheça outros problemas que podem ser causados no trabalho em Como Tratar as 5 Doenças que podem surgir no Trabalho.
Se você vive com dor crônica, vida pode parecer insuportável às vezes. Ao contrário de dor aguda, que é maneira o corpo de nos dizer que algo está errado, a dor crônica é dor em curso que serve a nenhum propósito útil. Este tipo de dor pode apresentar em muitos formulários diferentes. Pode ser em curso para trás dor, reumatismo ou artrite, que faz com que passe a dor nas articulações, dor interna no joelho, dores de cabeça crônicas ou qualquer dor associada com doença crônica. Dor crônica é a dor que serve a nenhum propósito útil. Isso realmente pode ser debilitante. Aqui estão algumas dicas úteis sobre como aliviar essa dor e gerenciá-lo melhor.
A terapia cognitivo comportamental (TCC) é uma boa forma de trabalhar os sintomas da fibromialgia e da depressão em conjunto. Essa abordagem leva principalmente em conta a forma como cada um age perante os acontecimentos do dia a dia, assim é possível entender e modificar as emoções e o modo de agir do paciente. Na Fibromialgia, a TCC auxilia o paciente a entender e interpretar melhor suas atitudes frente à dor e demais sintomas para enfrentá-los de forma eficiente.
Os três grupos deste estudo foram homogêneos antes do tratamento designado para algumas variáveis que podem ser consideradas influentes na duração da primeira etapa do TP, que inclui: paridade, tempo de TP referido antes do tratamento, integridade das membranas amnióticas, dilatação cervical, número e a intensidade das contrações. No entanto, houve diferença no número de contrações referidas pelas participantes durante o tratamento, com a mediana de uma contração a menos no GT, e também na indução ou condução do TP. A necessidade de ocitocina foi maior entre as parturientes do grupo BP6 e GT; porém, para a indução com prostaglandina ou preparo do colo com balão cervical, não houve diferença significativa.
Mas, já sabe que a fibromialgia acontece por uma alteração da interpretação dos estímulos recebidos pelo cérebro e também pelos receptores cutâneos. Para combater e aliviar as dores provocadas pela fibromialgia, algumas opções de tratamento são tomar remédios antidepressivos e analgésicos indicados por médico, fazer fisioterapia e também terapias alternativas, como a acupuntura.
Durante a gravidez é comum o nervo ciático ser afetado devido ao rápido aumento de peso, crescimento da barriga e alteração do centro de gravidade da mulher, o que pode levar à compressão deste nervo. Quando isto acontece, a grávida deve procurar um médico ou fisioterapeuta, para iniciar o tratamento e minimizar os sintomas apresentados. O tratamento pode ser feito com exercícios de alongamento, compressas quentes e pomadas antiinflamatórias para passar no local da dor. 
A média da duração do trabalho de parto apresentou diferença significativa nos três grupos a partir do tratamento [221,5 min (DP = 162,4)] versus placebo [397,9 min (DP = 265,6)] e versus controle [381,9 min (DP = 358,3)] (p = 0,0047); porém, os grupos foram semelhantes quanto à taxa de cesárea (p = 0,2526) e a avaliação de Apgar no primeiro (p = 0,9542) e quinto min de vida do neonato (p = 0,7218).
Pesquisadores concordam que a maioria das lesões que afectam os jogadores de golfe masculinos manifesto na região lombar e estão relacionadas à mecânica de balanço impróprio e/ou a natureza repetitiva do jogo.2,3 O golfista amador ou fim de semana geralmente experimenta lesões devido à mecânica de balanço impróprio, Considerando que o desporto profissional é mais susceptível de ser vítima para lesões de padrões de movimento repetitivo obsessivo por sobrecarga. Quando uma velocidade alta força rotativa casais com tronco sidebending (o fator de crise), o jogador de golfe coluna vertebral e paravertebral profunda tecidos tomar uma goleada. Não admira que dor lombar (LBP) é a mais comum queixa de golfista!
Os exercícios visam à organização do tronco em movimentos holísticos, ou seja, cada movimento trabalha ao mesmo tempo vários segmentos do corpo, como o abdômen, músculos da coluna, pernas e braços. Pode ser praticado diariamente, mas os benefícios são notados com uma freqüência de duas vezes por semana. A partir da segunda semana e em alguns casos já se pode perceber um aumento da flexibilidade e alivio da dor lombar.
Prescrição de medicamentos (ou remédio) anti-inflamatórios, analgésicos e relaxantes musculares que permitem aliviar a dor e realizar depois uma melhor reabilitação. Pode tomar esta medicação sob a forma de comprimidos, aplica-la sob a forma de pomada ou de pensos transdérmicos impregnados em anti-inflamatórios de libertação lenta. Nos casos mais graves, o médico poderá receitar esta medicação sob a forma injetável (injecção), que permite atuar de uma forma mais rápida, reduzindo eficazmente mesmo a dor forte. Se sentir um alívio rápido das queixas, não deve interromper o tratamento medicamentoso, mas deve terminar de tomar a medicação de acordo com a prescrição médica.
Temos um numeroso arsenal contra as dores nas costas, que vão afligir oito em cada dez pessoas pelo menos em um momento da vida, mas muitas vezes estamos errando o alvo ou pecando pelo excesso. É o que sugere um levantamento da Universidade Harvard, nos Estados Unidos, englobando 23 918 consultas por causa de queixas desse tipo entre 1999 e 2010. Os pesquisadores concluíram que, ali, os médicos não seguem direito as recomendações para o manejo do problema, o que resulta em um abuso na prescrição de remédios, exames de imagem e até mesmo cirurgias.
Para obter alívio imediato no caso de dor ciática aguda, o médico pode recomendar os seguintes medicamentos: anti-inflamatórios não esteroides, cortisona e relaxantes musculares. Muitas vezes o médico prescreve uma injeção de anti-inflamatórios e relaxantes musculares juntos, por exemplo: Muscoril e Voltaren. Se estes princípios ativos não reduzem a dor, o médico pode fazer as infiltrações de cortisona. 

No entanto, o melhor tratamento ainda consiste na prevenção! Cuidados com a sobrecarga de trabalho e durante as atividades domésticas devem ser adotados. Bem como realizar momentos de relaxamento ao longo do dia. O exercício físico também é uma importante ferramenta, pois, uma vez praticado regularmente, proporciona a melhora do condicionamento físico, controlando o aparecimento de lesões e viabilizando preparo muscular para a rotina diária.
Na hérnia de disco – quando acontece esforço, o material nuclear é impelido para trás através das fibras do anel fibroso, nesse momento você não sente a dor. Mas durante a noite, por causa da maior embebição aquosa do núcleo e da elevação da pressão intradiscal as fibras se rompem. Horas depois a pessoa começa a sentir uma dor aguda e intensa com irradiação da dor para o membro inferior.
Converse com as pessoas próximas sobre a condição, aprenda a dizer ‘não’ quando estiver se sentindo desconfortável, mantenha um diário com os sintomas da doença, participe de comunidades de apoio, exercite-se regularmente, cuide-se para diminuir situações de estresse nas relações pessoais, no trabalho e em outros círculos, cuide da alimentação e dê um tempo para si sempre que for necessário. A melhor forma de tratar a fibromialgia é cuidando de sua qualidade de vida.
Uma condição particularmente rara, mas que merece atenção, é a chamada “Síndrome da Cauda Equina”. Essa é uma condição neurológica que afeta nervos que enviam informações para as regiões inferiores do corpo (região lombar e pernas) e pode estar relacionada com dor nas costas. Além disso, infecções da coluna espinhal, embora raras também, podem gerar dor, normalmente acompanhada de febre.
Inclinação – um suporte lombar pode promover o conforto do indivíduo quando sentado. Como poucos assentos fornecem o suporte adequado, o rolo lombar portátil ou toalha enrolada são essenciais para pessoas com problemas lombares em progressão. O rolo irá facilitar a manutenção da lordose e da postura correta. Já o uso da toalha tem sido considerado eficaz, pois fornece o volume de acordo com a maneira que é pressionada.
Lin Tchie Yeng – São várias as razões. O sistema nervoso das mulheres produz menos serotonina e por isso elas também estão mais propensas à depressão. Além disso, por questões hormonais, durante a tensão pré-menstrual, tudo fica mais sensível na mulher. Outro fator repousa na dupla jornada de trabalho feminina. Hoje, as mulheres trabalham fora, mas continuam responsáveis pela execução de tarefas dentro de casa. Sobrecarregadas, pouco tempo lhes sobra para o repouso, o que facilita a incidência maior de dor pelo corpo. Cefaleia e dor nas costas, assim como as manifestações psicossomáticas, também são mais comuns entre as mulheres. Todos esses fatores somados justificam a maior incidência de fibromialgia entre elas.
“Os exames de imagem não vão influenciar em nada as escolhas de tratamento”, esclarece a fisioterapeuta Lucíola Costa, da Universidade Cidade de São Paulo, instituição brasileira que apoiou a realização o estudo na América Latina. É comum que muitas pessoas tenham alguma particularidade nas vértebras sem que isso resulte numa doença de verdade, com repercussões no dia a dia. “Alterações na coluna são iguais a cabelo branco e ruga: todo mundo vai ter um dia”, completa a especialista.
– Tabagismo: dados publicados no periódico American Journal of Medicine aponta que fumantes, sobretudo os mais jovens, são mais propensos a apresentarem dores lombares. Embora as causas não estejam completamente elucidadas, acredita-se que haja uma diminuição do fluxo de sangue para a espinha, além de um aumento no risco de osteoporose e um aumento na circulação de substâncias que causam dor no organismo do fumante.

O grupo de BP6 apresentou menor taxa de cesárea entre os grupos deste estudo. Já o GC, com 15,4% a mais de cesárea em relação ao grupo BP6, aproximou-se da taxa registrada no último relatório anual da instituição onde se realizou o estudo (44,5% de cesáreas em 2013); f porém, na análise estatística, não apresentou diferença significativa. Contrariamente, dois ECR mostraram redução significante no número de cesáreas, sendo de 10,0% dessa via de parto em um dos estudos 18 e 12,8% no outro. 7 No entanto, esses estudos incluíram somente mulheres nulíparas ou sem cesárea anterior.
Os sintomas que cada pessoa irá apresentar podem ser bem diferentes, mas geralmente a dor ocorre com maior frequência de um só lado. Como é o caso de dores agudas em, apenas, uma parte da perna ou quadril e dormência em outras partes. Nesse caso, o lado afetado pode parecer mais fraco que o outro. Os sintomas mais comuns da dor ciática são: perda da sensibilidade ou redução dos reflexos da região atingida; diminuição da força muscular; formigamento ou sensação de queimação; dores irradiando da coluna lombar para a região posterior da coxa ou da perna; aumento de dores depois de ficar em pé ou sentar, ao tossir, espirrar ou rir; intensificação da dor com movimentos de elevação dos membros inferiores, etc. Em geral, os sintomas podem variar, entretanto, em qualquer caso tendem a piorar durante a noite e, comumente, a dor ciática pode estar associada à dor lombar. Os sintomas acometem indistintamente homens e mulheres, podendo aumentar com o envelhecimento, pois conforme a idade avança, as estruturas da coluna vertebral podem sofrer desgastes que acabam comprometendo a medula espinhal bem como as raízes que dão origem aos nervos.

Para acertar a bola de uma grande distância, o organismo deve ter a capacidade de rodar em e manter um arco largo todo o caminho através do balanço. Terapia manual técnicas que aumentam a gama de quadril Rode permitir uma diminuição na quantidade de volta do ombro, reduzindo assim a quantidade de flexão do tronco e sidebending durante a desaceleração (no momento mais prejudicial do balanço). Se os jogadores de golfe faltam a gama completa da mobilidade de quadril devido a uma cápsula de adesiva, poderosas forças de torção irão passar a cadeia cinética através de lumbopelvic ligamentos, cápsulas articulares e discos intervertebrais. Movimento restrito facetas e tecido ligamentar danificados neurologicamente podem inibir músculos de sulco profundo da coluna vertebral, como rotadores, multífidos e intertransversos levando a padrões de substituição e instabilidade traseira baixa.  
×