É importante que o paciente controle sempre o seu peso, mantenha uma boa postura, evite fumar, tenha hábitos saudáveis de vida e pratique esportes. Essas medidas auxiliam no tratamento e previnem o aparecimento de novas dores. É sempre importante que o paciente com dores nas costas procure um médico, para que ele possa fazer o diagnóstico adequado e indicar o melhor tratamento.
“Comecei a tomar anticoncepcional em 2004, com 15 anos, por causa de cólica. Em 2015, estava muito abalada com a doença do meu tio, que na época fazia tratamento contra um câncer na boca. No mesmo período, conheci uma jovem que estava internada fazendo o tratamento pós-retirada do útero.  Um dia conversando com o marido dela, ele disse que o uso contínuo do anticoncepcional desde os 15 anos poderia ter contribuído para a doença se desenvolver.  Aquela informação entrou em mim como uma granada. Chorava como criança, poderia ser eu. No mesmo dia resolvi jogar fora a cartela que ainda estava na metade. Avisei meu esposo que não ia mais usar e decidimos tomar as nossas providências para evitar uma gravidez. Mas as cólicas voltaram.  Todo mês era a mesma coisa: dor, queda de pressão, desmaio, remédios e mais remédios. Eram dois dias seguidos com dor e depois tudo voltava ao normal. Em 2016 descobri que tinha endometriose, mas não queria voltar a tomar anticoncepcional. Encontrei um médico, que é um anjo. Ele me orientou a buscar alternativas que ajudassem a controlar a dor sem medicamento. No meio disso tudo, comecei a treinar para uma meia maratona e tenho a sensação que a corrida foi benéfica para a minha saúde, pois hoje sofro menos com as cólicas. Também medito e faço leituras que têm me tornado mais forte e próxima dessa minha dor. Estamos aprendendo a conviver juntas.”
NOSSA REIVINDICAÇÃO DE QUALIDADE: Qualidade, funcionalidade e preço / desempenho são nosso foco principal em #DoYourFitness. Para os nossos produtos, utilizamos apenas materiais de alta qualidade e o desenvolvimento já anda de mãos dadas com atletas experientes, instrutores de fitness, bem como fisioterapeutas e especialistas em reabilitação. Todos os produtos também passam por rigoroso controle pelo nosso departamento de qualidade.
Na comparação entre ultrassom, laser e ultralaser aplicados no músculo trapézio, houve um percentual de diferença de 57,72% na melhora de funcionalidade e 63,31% na redução de dor para o grupo de ultralaser. Já na comparação entre o tratamento no musculo trapézio e na palma das mãos com ultralaser, houve um percentual de diferença de 75,37% na redução de dor para o tratamento focado nas palmas das mãos.
O grupo de BP6 apresentou menor taxa de cesárea entre os grupos deste estudo. Já o GC, com 15,4% a mais de cesárea em relação ao grupo BP6, aproximou-se da taxa registrada no último relatório anual da instituição onde se realizou o estudo (44,5% de cesáreas em 2013); f porém, na análise estatística, não apresentou diferença significativa. Contrariamente, dois ECR mostraram redução significante no número de cesáreas, sendo de 10,0% dessa via de parto em um dos estudos 18 e 12,8% no outro. 7 No entanto, esses estudos incluíram somente mulheres nulíparas ou sem cesárea anterior.
Para obter alívio imediato no caso de dor ciática aguda, o médico pode recomendar os seguintes medicamentos: anti-inflamatórios não esteroides, cortisona e relaxantes musculares. Muitas vezes o médico prescreve uma injeção de anti-inflamatórios e relaxantes musculares juntos, por exemplo: Muscoril e Voltaren. Se estes princípios ativos não reduzem a dor, o médico pode fazer as infiltrações de cortisona. 

Cada paciente é único e apresenta condições muito específicas ao desenvolver a dor ciática. O tempo de cura vai depender mais da gravidade da doença. Em alguns casos, o paciente melhora com maior facilidade porque a inflamação aguda desaparece em poucos dias. Mas isso nem sempre ocorre e dependendo do tratamento (que deve ser realizado o quanto antes e da forma mais adequada) o paciente pode demorar mais tempo para alcançar sua recuperação. Normalmente, o tempo de recuperação é de cerca de 3/4 semanas com a terapia certa. 

SP6G showed a lower cesarean section rate among the groups in this study. In contrast, the CG group had 15.4% more cesarean sections than SP6G, reaching the rate recorded in the last annual report of the institution where the study was conducted (44.5% cesarean sections in 2013); f however, no statistically significant difference was observed. By contrast, two RCTs showed a significant reduction of 10.0% 18 and 12.8% 7 in the number of cesarean sections. However, these studies included only women who were nulliparous or who had not had previous cesarean section.
– Aplicar compressa fria para aliviar a dor. O frio reduz a inflamação e atua como um anestésico local. Use bolsas frias (Cold Pack), disponível em farmácias. É aconselhável usar frio no início da inflamação e da dor. Aplicar por exemplo, durante 15 minutos a cada três horas. Evitar a aplicação de frio diretamente sobre a pele, utilize uma pequena bolsa de tecido para evitar o contacto direto entre a pele e a bolsa gelada.
A dor ciática é caracterizada por uma espécie de queimação, que pode ir desde o fundo das costas, afetando o bumbum, a parte de trás ou da frente da coxa até o pé. Ela é geralmente causada pela compressão do nervo ciático devido a uma alteração na coluna lombar como hérnia de disco ou desvio da coluna, mas também pode acontecer devido ao fato do nervo passar por dentro do músculo piriforme, e sempre que este ficar muito tenso, a crise ciática pode aparecer com sintomas como dor, formigamento ou queimação no fundo das costas, glúteos e pernas. Saiba como identificar a síndrome do piriforme.
É também importante estar atento às alterações de sono desses pacientes. Os antidepressivos têm a vantagem de regular os períodos de sono. Alguns deles, porém, os mais modernos, devem ser tomados de manhã, porque interferem em determinadas fases do sono o que não acontece com os tricíclicos, como a amitriptilina, que podem ser tomados à noite porque contribuem para o relaxamento muscular e ajudam a dormir.
Embora a lombalgia aguda melhore espontaneamente ao longo do tempo, uma variedade de intervenções terapêuticas estão disponíveis, tais como: analgésicos, anti-inflamatórios, corticoides e relaxantes musculares. O principal objetivo do tratamento da dor lombar aguda é aliviar a dor, melhorar a habilidade funcional e prevenir recorrência e cronicidade.
A dor na parte inferior das costas pode estar ligada à coluna lombar óssea, discos entre as vértebras, ligamentos ao redor da coluna vertebral e discos, medula espinhal e nervos, músculos das costas, abdômen e órgãos internos pélvicos e a pele ao redor da região lombar. A dor na parte superior das costas pode ser devida a distúrbios da aorta, tumores no tórax e inflamação da coluna vertebral. 

Treinamento funcional. É um circuito de exercícios que alternam saltos e agachamentos feitos com materiais como minitrampolim, medicine ball, kettlebell, bola suíça, plataformas de equilíbrio, elásticos e barreiras. Frequentar as aulas significa conquistar músculos tonificados e alongados, além dos benefícios ao equilíbrio e à postura corporal. Em alguns casos, o treinamento funcional é recomendado para tratar dores e lesões.
Table 1 shows the general characteristics of the parturients according to group location. The groups were similar with regard to age, level of education, and marital status. Most participants received education up to high school (96.0% in SP6G, 90.4% in TG, and 94.2% in CG). The remainder was still in school or had already completed higher education.

Na grande maioria dos casos a dor nas costas ou dor na coluna é de origem musculosquelética (muscular). As dores podem surgir na sequência de uma má postura, stress, cansaço, levantamento de pesos, falta de exercício regular, etc., podendo facilmente ser resolvida através de medicação e de algumas medidas gerais, como veremos adiante com detalhe. A dor nas costas pode ser devida a algumas patologias ou doenças da coluna, como a espondilose (artrose na coluna), hérnias discais (ou hérnias de disco), estenoses, entre outras ou, então, a outras doenças, como os cálculos renais (pedra nos rins), aneurisma da aorta, doenças do pâncreas, endometriose, entre muitas outras patologias (ou doenças), como veremos mais detalhado adiante.
Embora a lombalgia aguda melhore espontaneamente ao longo do tempo, uma variedade de intervenções terapêuticas estão disponíveis, tais como: analgésicos, anti-inflamatórios, corticoides e relaxantes musculares. O principal objetivo do tratamento da dor lombar aguda é aliviar a dor, melhorar a habilidade funcional e prevenir recorrência e cronicidade.
Atualmente, com tantas horas no trânsito, motoristas e passageiros não podem abrir mão de certos cuidados com a coluna. O banco dos veículos é o primeiro obstáculo a ser vencido. A padronização dos assentos usados pelos meios de transporte contribui para os maus hábitos posturais, pois raramente dão suporte adequado à coluna lombar. O encosto ideal deve fornecer um suporte lombar para que a lordose seja mantida, evitando assim futuras dores lombares ou prevenindo o agravamento das lesões já instaladas.
“O teste de suor busca identificar a perda de líquidos e sódio e, também, o consumo de carboidrato do atleta no período de uma hora. Durante nossos treinos e competições perdemos peso e esta perda é dividida entre o suor (água+sais) e a utilização do glicogênio muscular (carboidrato estocado no músculo)”, conta o Dr. Gerson Leite, fisiologista da Care Club.

Se o nervo continuar com baixo suprimento de sangue, pode haver complicações como danos permanentes no nervo, e isto pode fazer com que a pessoa sinta muita dor em todo o trajeto do nervo ciático, ou até mesmo perca a sensibilidade nestes locais. Quando o nervo sofre uma grave lesão, devido a um acidente automobilístico, por exemplo, o melhor tratamento é a cirurgia e quando o cirurgião não consegue reparar completamente a lesão pode ser preciso fazer fisioterapia por longos períodos.

Participants were allocated using a selection list of random numbers and divided into three groups: acupressure group (SP6G); touch group (TG), the placebo; and control group (CG). The study used a double-blind method; neither the pregnant women in SP6G and TG nor the professionals who provided assistance in the obstetric unit knew which group each participant belonged to. For CG, there was no possibility of using a blind method because of the nature of the study.
Após 20 minutos de utlização você se sente relaxado e com as energias renovadas. Se você se sente sente stressado, com dificuldade em dormir, tem pouca energia, dores de cabeça, dor nas costas ou pescoço, ou necessita simplesmente de um descanso mais completo, o tapete de acupressão Yantra Mat é o ideal para você! Lembre-se na sua próxima viagem, leve consigo o seu Yantra Mat e sinta a diferença!
Na hérnia discal lombar, o sintoma mais frequente é a ciatalgia ou dor ciática (dor aguda que irradia para a face lateral ou posterior de uma perna até ao pé / tornozelo). Para além da dor ciática, também pode verificar-se formigueiros, adormecimento, alterações na sensibilidade e fraqueza muscular do membro afetado. Mais raro é a dor irradiar pela face anterior da coxa, geralmente, sem ultrapassar o joelho (cruralgia), nos casos em que estão envolvidas outras raízes nervosas lombares.

Lin Tchie Yeng – Com o uso exclusivo de anti-inflamatórios, a dor melhora por uns tempos, mas torna a aparecer. No tratamento da fibromialgia, medicação ajuda, mas não é o suficiente. É importante trabalhar com o lado físico e psicológico do paciente. Por isso, os antidepressivos representam uma primeira e conveniente opção. Associados aos analgésicos e anti-inflamatórios, diminuem os sintomas da dor. No entanto, pacientes com fibromialgia ou dores crônicas requerem abordagem multidisciplinar para que o tratamento apresente resultados mais eficientes.
×